miguelbmiranda@sapo.pt

Friday, May 05, 2017

O Comandante Guélas- Série Paço de Arcos 92 - O Chouriço Andante


O Comandante Guélas

Série Paço de Arcos

Futebol P.A. 22

Neste domingo, véspera do dia do trabalhador, a ausência do Fininho reflectiu-se de imediato, não na bolsa do Peidão, de quem ele foge como o Diabo da Cruz, mas nos níveis de Coenzima Q10 dos jogadores, que baixaram drasticamente, tendo por isso tido implicações no fluir da partida, que tomou um rumo inesperado, com alterações comportamentais evidentes:
- O Caruncho parece uma salsicha andante, - protestou o Taroulo, um jogador anarquista da categoria dos presuntos,  com tendência para a despersonalização, após a sua equipa ter sofrido o terceiro golo consecutivo.
 Esta era uma das novidades, o Caruncho voltava aos relvados, saíra zangado com o mito desportivo da vila, e ficou mais contente quando soube que ele não iria estar presente. Aproveitara a ausência dos pais no Algarve para gastar o dinheiro, que o Graise lhe deixara para o Mac, no vício, porque o Futebol P.A. já faz parte da cultura paçoarcoense, são 40 anos e muitas gerações com incapacidade para discutir com civilidade. Por isso de tempos a tempos o Choné aparece no campo, como uma espécie de Papão, para que as novas gerações o vejam e decidam jogar à bola. A outra novidade foi a presença de um refugiado, um jovem pediu asilo ao Futebol P.A., fugia do pai que o queria levar para o Incha Padel, a “modalidade dos velhos”, e por isso foi aceite como o primeiro “refugiado desportivo”. O Futebol P.A. aprofundava assim a sua veia humanitária e definia como objectivo contratar o Guterres para uma das balizas.
- O meu nome é Micro Mac, - disse o candidato a asilo desportivo.
Quando o jogo já estava balanceado para a vitória da equipa escolhida pelo Cabeça de Ananás, o Carcaça desfez as dúvidas, marcou um golo fabuloso e gritou com um estado de alma atmosférico com um sentimento carnal:
- É para ti Fininho! – Limpando as lágrimas com os cotovelos.
  Por isso fica evidente nesta breve estória que o Tio Mino ganha sempre, mesmo não jogando!

No comments: